Cameron autoriza ministros a fazer campanha por saída britânica da UE

LONDRES (Reuters) - O primeiro-ministro britânico, David Cameron, vai autorizar os ministros de seu governo a fazer campanha pela saída da Grã-Bretanha da União Europeia em um referendo, disse a BBC nesta terça-feira, sem citar as fontes.

Cameron quer renegociar os termos da adesão britânica à UE, e diz que deseja a permanência do país em uma União Europeia reformada. No entanto, o premiê diz não descartar nada se não conseguir as mudanças desejadas no relacionamento da Grã-Bretanha com o bloco.

Vários ministros do gabinete de Cameron são contrários à União Europeia, e havia especulação de que seriam obrigados a renunciar se quisessem fazer campanha pela saída britânica.

Segundo a BBC, Cameron vai permitir que os ministros façam campanha para qualquer um dos lados do referendo.

(Reportagem de Kate Holton)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos