Kuweit chama de volta embaixador no Irã após ataques a missões diplomáticas sauditas

DUBAI (Reuters) - O Kuweit chamou de volta seu embaixador no Irã nesta terça-feira, disse a agência de notícias estatal Kuna, após aliados da Arábia Saudita no Golfo Pérsico e o Barein terem cortado as relações com Teerã devido a ataques a missões diplomáticas sauditas por parte de manifestantes iranianos.

"Uma fonte oficial do Ministério das Relações Exteriores do Kuweit disse que o ministério chamou de volta o embaixador do Estado do Kuweit na República Islâmica do Irã na manhã desta terça-feira, 5 de janeiro de 2016, mediante os ataques realizados por multidões de manifestantes", disse a agência.

Os protestos contra as missões sauditas foram uma reação à execução do clérigo xiita Nimr al-Nimr pela Arábia Saudita.

(Por Noah Browning)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos