Candidato republicano Rubio culpa Obama por atividade nuclear da Coreia do Norte

WASHINGTON (Reuters) - O pré-candidato republicano à Presidência dos Estados Unidos Marco Rubio culpou a "fracassada" política externa do presidente dos EUA, Barack Obama, pelas atividades nucleares da Coreia do Norte, e chamou o líder do país asiático de lunático.

A Coreia do Norte disse nesta quarta-feira que testou com sucesso um dispositivo de hidrogênio em tamanho reduzido sob ordens do líder Kim Jong Un, o que representaria um avanço significativo na capacidade do país de atacar outras nações.

Autoridades norte-americanas não confirmaram de imediato a realização do teste da Coreia do Norte.

"Se esse teste for confirmado, será apenas o mais recente exemplo da fracassada política externa Obama-Clinton", disse Rubio, senador pela Flórida, em comunicado, fazendo referência à ex-secretária de Estado de Obama e pré-candidata presidencial democrata, Hillary Clinton.

Os pré-candidatos republicanos que disputam a indicação do partido para concorrer nas eleições deste ano têm criticado a política externa de Obama, atacando o acordo fechado com o Irã sobre o programa nuclear iraniano e a resposta dos EUA a crises no Oriente Médio, inclusive a guerra civil na Síria.

"Eu tenho alertado ao longo desta campanha que a Coreia do Norte é administrada por um lunático que está expandindo seu arsenal nuclear, enquanto o presidente Obama ficou de braços cruzados", disse Rubio.

(Reportagem de Doina Chiacu)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos