Militantes atacam usina elétrica na cidade líbia de Bengazi

BENGAZI, Líbia (Reuters) - Uma importante usina de geração de eletricidade foi atacada por militantes na cidade líbia de Bengazi, disseram neste sábado um comandante do Exército local e um funcionário.

O funcionário da usina afirmou que o ataque começou na noite de sexta-feira e continuou pela manhã. Uma das unidades da usina foi desligada e um incêndio começou no local. O fogo já foi debelado.

O comandante militar Fadhal al-Hassi disse à Reuters que combatentes do Estado Islâmico estão ligados à ação. Essa informação, contudo, não pôde ser confirmada independentemente, embora outros grupos islâmicos que operam em Bengazi não tendam a atacar infraestruturas civis.

A Líbia enfrenta turbulência desde a revolta que derrubou Muammar Gaddafi em 2011. Milícias, facções e até governos rivais disputam o poder e a riqueza do petróleo.

Na quinta-feira, dezenas de recrutas da polícia morreram quando um caminhão-bomba explodiu na cidade de Zliten. O Estado Islâmico assumiu a autoria do ataque.

    (Reportagem de Ayman al-Warfalli)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos