Guardiola pede desculpas a técnicos da Inglaterra por gerar rumores

  • NASEEM ZEITOON

(Reuters) - O treinador do Bayern de Munique, Pep Guardiola, pediu desculpas por colocar alguns dos seus colegas do Campeonato Inglês sob pressão ao anunciar publicamente a intenção de trocar o futebol da Alemanha pelo da Inglaterra no final da temporada.

O ex-treinador do Barcelona alimentou especulações sobre o seu eventual destino no mês passado quando confirmou que não iria renovar seu contrato em Munique com o espanhol, revelando que havia recebido "várias ofertas" da Inglaterra.

A declaração gerou discussões sobre se Guardiola estava acertado para assumir um dos quatro clubes de ponta da Liga Inglesa: Manchester City, Manchester United, Arsenal ou Chelsea.

Falando durante o período de treinamentos de inverno do Bayern em Doha, no Catar, Guardiola se desculpou por qualquer falta de respeito aos treinadores da Inglaterra.

"Eu sinto muito. Não era minha intenção ofender ninguém. Normalmente, na minha carreira como treinador, jogador de futebol, eu respeito muito meus colegas", disse ele a repórteres.

O espanhol, no entanto, se recusou a dar detalhes sobre quem será seu próximo empregador, dizendo que só vai revelar o nome do clube depois de assinar contrato.

(Por Simon Jennings em Bengalore)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos