Irã diz ter removido núcleo de reator, uma medida chave do acordo atômico

Por Parisa Hafezi

ANCARA (Reuters) - O Irã removeu o núcleo sensível do seu reator nuclear de Arak, e os inspetores da Organização das Nações Unidas (ONU) vão visitar o local para verificar a mudança, que é crucial para a implementação do acordo atômico de Teerã com potências mundiais, disse a TV estatal nesta quinta-feira.

A remoção do núcleo do reator de Arak vai em grande parte eliminar a sua capacidade para produzir plutônio com qualidade para uma bomba nuclear, e esse foi um dos temas mais difíceis para se resolver nas longas negociações com as seis potências globais.

"O recipiente do núcleo do reator de Arak está sendo removido, e os inspetores da AIEA (Agência Internacional de Energia Atômica das Nações Unidas) vão visitar o local para verificar isso e relatar para a AIEA. Nós estamos prontos para o dia da implementação do acordo”, afirmou Behrouz Kamalvandi, porta-voz da organização iraniana para energia nuclear.

Kamalvandi declarou que o “Dia da Implementação”, quando o Irã começará a ter um alívio nas sanções internacionais em troca da redução do seu programa nuclear, de acordo com o acertado em julho de 2015, viria “muito em breve”.

Em Washington, John Kirby, porta-voz do Departamento de Estado dos EUA, concordou, dizendo que realmente acha "que se estava muito próximo” do Dia da Implementação.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos