Polícia alemã observa mais de 400 possíveis militantes islâmicos

BERLIM (Reuters) - O número de militantes islâmicos que retornam à Alemanha, provenientes da Síria e Iraque, vem aumentando e mais de 400 pessoas estão sob observação, disse nesta sexta-feira o chefe de polícia da Alemanha.

Holger Muench, presidente da polícia federal BKA, afirmou à rede de TV ARD que o número de pessoas que deixam a Alemanha rumo aos dois países para lutar com grupos militantes como o Estado Islâmico está em queda.

Entretanto, ao mesmo tempo há um aumento no número de combatentes que voltam para casa.

"A onda de partidas está se estabilizando", afirmou. "Ao mesmo tempo, nós temos mais de 400 indivíduos que representam uma ameaça e que precisamos ficar de olho."

Segundo Muench, o ataque suicida em Istambul nesta semana que deixou 10 turistas alemães mortos não significa que a ameaça de um ataque militante na Alemanha seja maior do que antes.

(Reportagem de Gernot Heller)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos