Marrocos diz que prendeu cidadão belga ligado a ataques de Paris

RABAT (Reuters) - Autoridades do Marrocos prenderam um cidadão belga de origem marroquina diretamente ligado às pessoas que realizaram os ataques a tiros e bombas em Paris em novembro, matando 130 pessoas, informou o governo em comunicado nesta segunda-feira.

O Ministério do Interior apenas divulgou as iniciais em árabe do militante e informou que ele lutou na Síria com a frente al-Nusra antes de se juntar ao Estado Islâmico.

(Reportagem de Aziz El Yaakoubi)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos