Rouhani diz que Irã vai honrar acordo nuclear enquanto Ocidente fizer o mesmo

DUBAI (Reuters) - O presidente do Irã, Hassan Rouhani, disse nesta segunda-feira que seu país não vai violar o acordo nuclear com potências mundiais enquanto o Ocidente honrar seus compromissos com o acordo.

Descrevendo o acordo como exemplo único na história da democracia, Rouhani disse que o Irã está comprometido em não buscar armas nucleares.

Os Estados Unidos, a União Europeia e a ONU estão retirando sanções que barravam o Irã de sistemas financeiros globais há anos, após a Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) certificar no sábado que Teerã está cumprindo o acordo de reduzir seu programa nuclear.

"Iremos cumprir o acordo nuclear enquanto o outro lado estiver", disse Rouhani, segundo a agência de notícias estatal Irna, durante encontro com o diretor da AIEA, Yukiya Amano.

Amano chegou a Teerã no sábado, à medida que se prepara para a introdução de medidas que dão maiores poderes de inspeção à agência, para poder garantir que qualquer material nuclear no Irã seja usado somente para fins pacíficos.

"Mesmo que chegue um dia em que não haja Acordo de Não-Proliferação, proteção ou inspeção da AIEA, o Irã está moralmente e religiosamente comprometido em não buscar armas de destruição em massa", disse Rouhani.

O Irã informou que a visita de Amano a Teerã é cerimonial e que ele não iria visita quaisquer locais nucleares.

(Reportagem de Bozorgmehr Sharafedin)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos