Após FMI, Tombini diz que informações relevantes são consideradas até a reunião do Copom

SÃO PAULO (Reuters) - O presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, considerou como significativas as revisões para baixo das projeções econômicas do Brasil feitas pelo FMI e afirmou que todas as informações são consideradas nas decisões do Copom.

"O presidente Tombini ressalta que todas as informações econômicas relevantes e disponíveis até a reunião do Copom são consideradas nas decisões do colegiado", segundo comunicado do BC, no primeiro dia de reuniões para decidir sobre a Selic.

(Por Camila Moreira)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos