Oposição síria diz que não pode participar de diálogo se outros grupos forem chamados

RIAD (Reuters) - Um conselho da oposição síria formado em Riad no mês passado afirmou nesta quarta-feira que não pode participar das negociações de paz se uma terceira parte se somar às conversas, em uma referência a uma tentativa da Rússia de incluir outros grupos no processo lançado na semana passada.

Riad Hijab, que lidera o conselho, acusou a Rússia de

obstruir as negociações e disse ainda, durante uma entrevista em Riad, que a oposição não poderia negociar enquanto os sírios estão morrendo com os bombardeios e bloqueios.

Hijab anunciou os nomes dos representantes da oposição que podem participar de qualquer conversa. Os nomes incluem Mohamed Alloush, figura política do Jaysh al-Islam (Exército do Islã), grupo rebelde que é considerado terrorista pelo governo sírio e pela Rússia.

(Reportagem de Angus McDowell)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos