Cameron e Merkel concordam que mais precisa ser feito para se chegar a um acordo sobre UE

LONDRES (Reuters) - O primeiro-ministro britânico, David Cameron, e a chanceler alemã, Angela Merkel, conversaram nesta segunda-feira e concordaram que mais trabalho precisa ser feito para se chegar a um entendimento sobre uma reforma nas relações entre o Reino Unido e a União Europeia (UE), disse um porta-voz do primeiro-ministro.

Cameron tem dito que espera chegar a um acordo com os líderes da UE sobre os seus planos de renegociar a relação do Reino Unido com o bloco numa reunião de cúpula em 18 e 19 de fevereiro. Isso poderia abrir caminho para um referendo sobre a permanência do país no bloco já em junho.

"Eles concordaram que havia ocorrido progresso desde o Conselho Europeu de dezembro, e que havia uma boa-vontade genuína no bloco para lidar com as preocupações do povo britânico em todas as quatro áreas”, afirmou o porta-voz de Cameron, depois de um telefonema entre os dois líderes nesta segunda.

“Ambos concluíram que havia mais trabalho a ser feito antes do Conselho Europeu de fevereiro para encontrar as soluções certas.”

(Reportagem de Kylie MacLellan)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos