Fiat para maior parte da fábrica em Betim por 20 dias a partir da 4a-feira

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A montadora Fiat vai conceder férias coletivas de 20 dias a partir da quarta-feira para grande parte dos funcionários de sua fábrica em Betim (MG), informou a companhia nesta terça-feira sem precisar o total de empregados afetados pela medida.

A medida se deve à baixa demanda por veículos no país e à necessidade de ajustar estoques. Segundo a empresa, 3 das 4 linhas de produção vão parar durante as férias coletivas. A fábrica da companhia em Betim é a maior do grupo Fiat Chrysler no mundo .

Já a fábrica da companhia em Pernambuco, que produz o utilitário compacto Jeep Renegade, não será afetada pela medida, informou a companhia.

O complexo automotivo da Fiat em Betim tem cerca de 19 mil empregados e a estimativa é que as férias coletivas vão envolver cerca de 60 por cento deste efetivo.

Na unidade mineira são produzidos 16 modelos da Fiat. No ano passado a fábrica já tinha feito paradas para ajustar produção à demanda.

Segundo a associação de montadoras de veículos do Brasil, Anfavea, a vendas de carros, comerciais leves, caminhões e ônibus novos no Brasil este ano vão cair 7,5 por cento sobre 2015, para 2,376 milhões de unidade, na quarta queda anual consecutiva.

(Por Rodrigo Viga Gaier)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos