Latam oferece troca de vôos para gestantes devido a preocupações com vírus Zika

SANTIAGO (Reuters) - A Latam Airlines, maior grupo de transporte aéreo da América Latina, disse nesta quarta-feira que está oferecendo reembolso ou adiantamento de passagens a passageiras grávidas em voos em regiões afetadas com o vírus Zika.

O surto do vírus transmitido por um mosquito, que tem sido relacionado a dano cerebral de milhares de bebês no Brasil, aconteceu no meio da temporada de alto verão para o grupo Latam , composto pela aérea chilena LAN e a brasileira TAM.

A Latam informou que as alternativas para as passageiras grávidas são para voos com destino a Brasil, Colômbia, El Salvador, Guatemala, Guiana Francesa, Haiti, Honduras, Martinica, México, Panamá, Paraguai, Porto Rico, Suriname, Venezuela, Barbados, Ilhas Virgens, Bolívia, Equador, Guadalupe, Guiana, República Dominicana e San Martin.

O grupo disse que o benefício também será estendido aos acompanhantes que estejam viajando com a gestante no mesmo voo.

Na véspera, uma porta-voz da TAM disse que não havia observado impactos nas reservas por causa do vírus Zika no Brasil ou em outras localidades onde a companhia atua.

(Por Antonio de la Jara)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos