Homens-bomba deixam quatro mortos em escola no norte de Camarões

DUALA (Reuters) - Dois homens-bomba mataram quatro pessoas em uma escola no norte de Camarões nesta quinta-feira, disseram autoridades locais, no mais recente ataque ocorrido no país da África central que luta para conter a violência atribuída a militantes do Boko Haram provenientes da vizinha Nigéria.

Uma dúzia de pessoas ficou ferida no ataque na cidade de Kewara, disse o prefeito Seiny Boukar Lamine.

Ninguém assumiu a responsabilidade pelo ataque de imediato, mas o norte de Camarões tem se tornado cenário de ataques suicidas cada vez mais frequentes, à medida que os militantes islamitas do grupo Boko Haram intensificam a violência através das fronteiras, incluindo Chade e Níger.

Um ataque contra um mercado no norte de Camarões há três dias matou 32 pessoas e feriu outras 66, num dos atentados mais fatais já registrado no país.

Uma autoridade local disse que a escola em Kerawa atacada nesta quinta-feira estava abrigando refugiados nigerianos.

O Boko Haram matou milhares de pessoas e expulsou mais de 2 milhões de pessoas de suas casas nos seis anos de insurgência em uma das regiões mais pobres do mundo.

(Reportagem de Josiane Kouagheu e Sylvain Andzongo)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos