Aliados de Suu Kyi assumem maioria no Parlamento após décadas de luta em Mianmar

Por Timothy Mclaughlin e Hnin Yadana Zaw

NAYPYITAW (Reuters) - Centenas de parlamentares da Liga Nacional pela Democracia (LND), da ganhadora do Nobel da Paz Aung San Suu Kyi, tomaram posse no Parlamento de Mianmar nesta segunda-feira, com assentos suficientes para formar o primeiro governo eleito democraticamente do país desde a tomada de poder pelos militares em 1962.

A LND conquistou cerca de 80 por cento das cadeiras na eleição história de novembro, o que levou a legenda ao poder na condição de partido governista de Mianmar após décadas de luta que resultaram na prisão de muitos de seus membros.

Mas a Constituição formulada pela junta militar obriga o partido a dividir o poder com o Exército que, durante anos, reprimiu a ativista premiada e seus aliados, muitas vezes brutalmente.

A primeira sessão da legislatura agora dominada pela LND é mais um passo da transição arrastada de Mianmar, que começou com a votação do ano passado e prosseguirá até o governo encabeçado pela LND iniciar oficialmente seu mandato em abril, depois de o Parlamento indicar um presidente.

"Este é o primeiro Parlamento de Mianmar em anos que foi escolhido pelo povo", disse Pyon Cho, que passou 20 anos na prisão como membro do grupo anti-junta Estudantes da Geração 88 e hoje é um parlamentar.

"Temos a maioria. Temos a tarefa de cumprir nosso manifesto e mudar as vidas das pessoas deste país".

O processo de indicação presidencial provavelmente irá acontecer no final deste mês, de acordo com membros da LND.    

Conforme a constituição de 2008, Aung San Suu Kyi está impossibilitada de assumir a vaga porque seus filhos não são cidadãos de Mianmar. Ela não deu nenhum sinal de quem irá tomar o lugar do atual mandatário, Thein Sein, e a LND não tem um vice-líder claro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos