Turquia quer mais que dobrar comércio com América Latina, diz ministro

Por Anthony Esposito

SANTIAGO (Reuters) - A Turquia quer mais que dobrar seu comércio com a América Latina até 2023, em uma tentativa de diversificar seus tradicionais mercados de exportações, nas tumultuadas economias europeias e do Oriente Médio, disse o ministro da Economia, Mustafa Elitas.

O ministro falou à Reuters na capital chilena enquanto acompanhava o presidente, Tayyip Erdogan, e uma grande delegação empresarial em um tour pela região, que também vai incluir visitas ao Peru e ao Equador.

"O comércio bilateral com a América Latina está atualmente em pouco mais de 8 bilhões de dólares", disse Elitas em uma entrevista na segunda-feira. "Para 2023, que será o aniversário de 100 anos de nossa república, queremos alcançar os 20 bilhões de dólares."

Citando as vantagens de ter um acordo de livre comércio com o Chile, que pretende render 1 bilhão de dólares em comércio bilateral este ano, Elitas disse que a Turquia vai pedir ao Peru e Equador para "agilizarem" a finalização de seus acordos bilaterais de livre comércio.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos