Airbus negocia atrasos em entregas de alguns A320neo, dizem fontes

PARIS (Reuters) - A Airbus está renegociando entregas do avião remodelado A320neo e afirmou a algumas companhias aéreas que vai atrasar os envios em cerca de dois meses, afirmaram fontes da indústria.

A fabricante europeia não cumpriu a meta de 2015 de entrega da primeira unidade do modelo por algumas semanas devido a questões de documentação dos novos motores desenvolvidos pela Pratt & Whitney. Fontes da indústria citaram atrasos em entregas do novo motor.

O A320neo é uma versão do avião mais vendido da Airbus que consome menos combustível.

Airbus e Pratt & Whitney confirmaram que há negociações sobre entregas do modelo, mas não deram detalhes.

"Estamos em conversas com nossos clientes sobre entregas e assim que elas forem concluídas, vamos finalizar a aeronave e entregar a nossos clientes", disse uma porta-voz da Airbus.

Apesar dos atrasos serem mínimos, o A320 e o Boeing 737 são responsáveis por grande parte do lucro da indústria da aviação e são acompanhados de perto por observadores do setor.

O A320neo foi projetado para permitir uma economia de 15 por cento no consumo de combustível. Até agora a Airbus entregou uma aeronave do modelo, para a aérea alemã Lufthansa.

(Por Tim Hepher)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos