Em vídeo conferência, Assange comemora "vitória"

LONDRES (Reuters) - O fundador do Wikileaks, Julian Assange, falou a repórteres nesta sexta-feira da embaixada do Equador em Londres por meio de uma vídeo conferência após uma comissão da ONU dizer que ele deve ter permissão de sair livremente e que deve ser indenizado.

"Nós tivemos hoje uma vitória realmente significativa que trouxe um sorriso ao meu rosto", disse Assange.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos