Foxconn diz que acertou com Sharp maioria dos pontos sobre aquisição

OSAKA (Reuters) - A taiuanesa Foxconn mira finalizar um acordo para adquirir a japonesa Sharp até o fim do mês, depois das empresas chegarem a um consenso sobre a maioria dos pontos, disse o presidente-executivo da Foxconn, Terry Gou.

A Foxconn, conhecida formalmente como Hon Hai Precision Industry, recebeu direitos preferenciais de negociação e a maior parte dos temas ainda a resolver é legal e regulatório, disse Gou depois de se reunir com executivos da fabricante de eletrônicos nesta sexta-feira.

A fornecedora da Apple ofereceu investir cerca de 659 bilhões de ienes (5,6 bilhões de dólares) na Sharp, disseram fontes familiarizadas com o tema -- o que tornaria o negócio o maior da Foxconn até o momento e a maior aquisição por uma estrangeira no isolado setor tecnológico do Japão.

"Temos um consenso", disse Gou a jornalistas. "O restante é um processo... Não vejo problema em completar esse processo".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos