IFC recebe interessados em aquisição da distribuidora de energia Celg-D

SÃO PAULO (Reuters) - Potenciais interessados na aquisição da distribuidora de energia elétrica goiana Celg-D, controlada pela Eletrobras, participaram na quinta-feira de uma reunião na sede do International Finance Corporation, órgão do Banco Mundial contratado para estruturar um processo de privatização da companhia.

Segundo site oficial criado para divulgar informações sobre a operação, o objetivo do encontro foi realizar uma "apresentação do processo de desestatização" aos interessados. Não foram revelados nomes ou empresas participantes da reunião.

A Eletrobras tem como meta realizar o leilão da Celg-D na BM&FBovespa em março deste ano, sendo que o pregão terá um preço mínimo de 1,4 bilhão de reais pela fatia majoritária da estatal na elétrica. Como o governo de Goiás também venderá sua parcela na empresa, o preço mínimo do certame deverá ser de quase 2,7 bilhões de reais.

Empresas interessadas em mais informações poderão solicitar o agendamento de reuniões sobre o processo de venda da companhia. Um data-room com dados sobre a Celg e a desestatização foi disponibilizado em 30 de dezembro.

(Por Luciano Costa)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos