Ações asiáticas caem com investidores procurando ativos seguros

Por Wayne Cole

SYDNEY (Reuters) - As ações asiáticas recuaram nesta quinta-feira, com os investidores buscando a segurança do iene, do ouro e de títulos com rating elevado, enquanto deixavam de lado o dólar apostando que o Federal Reserve pode não elevar os juros.

Às 7:19 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão caía 1,76 por cento.

A aversão ao risco pesou sobre a maioria das ações asiáticas, com Hong Kong --um dos principais canais para os investidores globais atuarem na China-- caindo 3,85 por cento, com os investidores de lá voltando do feriado prolongando do Ano Novo Lunar. Os mercados no restante da China continuaram fechados.

Na quarta-feira, Wall Street fechou sem direção definida após a chair do Federal Reserve, Janet Yellen, parecer otimista em relação à economia norte-americana, apesar de reconhecer os riscos da turbulência do mercado e da desaceleração da China.

Analistas entenderam que uma alta dos juros em março é improvável, mas que mais aperto continua possível no decorrer do ano.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei não teve operações.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 3,85 por cento, a 18.545 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC não abriu para negócios.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, não teve negócios.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 2,93 por cento, a 1.861 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX não abriu para operações

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 1,70 por cento, a 2.538 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 0,95 por cento, a 4.821 pontos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos