Obama vai indicar juiz da Suprema Corte quando Senado voltar do recesso, diz Casa Branca

Por Jeff Mason

RANCHO MIRAGE, Califórnia (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, não vai apressar para esta semana a escolha de um novo integrante da Suprema Corte para substituir o juiz Antonin Scalia, e vai esperar o Senado norte-americano voltar aos trabalhos para nomear seu indicado, informou a Casa Branca no domingo.

"Dado que o Senado está em recesso, não esperamos que o presidente apresse isso durante esta semana, mas, em vez disso, irá fazê-lo em tempo adequado, uma vez que o Senado retorne do recesso", disse o porta-voz da Casa Branca Eric Schultz.

"A partir daí, esperamos que o Senado considere o indicado, de acordo com suas responsabilidades estabelecidas na Constituição dos Estados Unidos", disse.

Obama está viajando para a Califórnia e retorna a Washington na terça-feira. O Senado volta do recesso em 22 de fevereiro.

Para suas duas últimas indicações para a Suprema Corte, Elena Kagan e Sonia Sotomayor, o presidente levou cerca de 30 dias para anunciar a sua escolha depois que seus antecessores, os juíses John Paul Stevens e David Souter, respectivamente, disseram que planejavam se aposentar.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos