Explosão de carro-bomba deixa ao menos 5 mortos na capital da Turquia

ANCARA (Reuters) - Pelo menos cinco pessoas foram mortas na capital turca, Ancara, nesta quarta-feira, quando um veículo carregado com explosivos foi detonado enquanto ônibus militares passavam perto do Parlamento, de edifícios do governo e sedes militares da Turquia, disse o gabinete do governador.

O vice-primeiro-ministro, Bekir Bozdag, afirmou no Twitter que o ataque foi um ato de terrorismo. O primeiro-ministro Ahmet Davutoglu, que faria uma viagem a Bruxelas ainda na quarta-feira, cancelou a viagem, segundo um funcionário de seu gabinete.

"Eu ouvi uma enorme explosão. Havia fumaça e um cheiro muito forte, mesmo estando a quarteirões de distância", disse uma testemunha da Reuters.

De acordo com a mídia turca, muitas pessoas ficaram feridas.

A explosão ocorre depois de um ataque em Ancara, em outubro, realizado pelo Estado Islâmico, quando dois homens-bomba atingiram um comício de ativistas sindicais e pró-curdos do lado de fora da principal estação ferroviária da capital, matando mais de 100 pessoas.

Militantes curdos, esquerdistas radicais e radicais islâmicos realizaram atentados na Turquia nos últimos anos.

(Reportagem de Gulsen Solaker e Umit Bektas)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos