No México, papa perde a tranquilidade com pessoa que quase o derrubou

MORELIA, México (Reuters) - O papa Francisco, que normalmente é calmo e caloroso com seus admiradores, perdeu a paciência visivelmente com uma pessoa que o puxou com tanta força que ele caiu sobre uma criança em uma cadeira de rodas durante um evento de sua visita ao México.

Imagens de vídeo mostraram que, enquanto caminhava próximo de uma multidão em um estádio, o papa parou para saudar algumas crianças sentadas.

Dois braços são vistos se esticando para agarrá-lo, e a pessoa não mostra intenção de largá-lo, mesmo depois de Francisco perder o equilíbrio e ficar com o peito sobre a cabeça da criança.

Assessores e seguranças impediram que o pontífice caísse no chão. Depois de se levantar, o papa mostrou expressão irritada.

Encarando a pessoa que o agarrou, ele elevou a voz e disse duas vezes em espanhol: "Não seja egoísta!".

Não ficou claro se a pessoa que puxou o papa era um homem ou uma mulher.

(Por Philip Pullella)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos