Raio laser foi apontado para avião so papa em chegada ao México, diz Alitalia

CIDADE DO MÉXICO (Reuters) - Um raio laser foi apontado para o avião do papa Francisco quando ele pousava na Cidade do México na semana passada, mas nenhuma pessoa a bordo se feriu, informou a companhia aérea italiana Alitalia em um comunicado nesta quarta-feira.

A empresa disse que a tripulação da aeronave notou o laser, que vinha do solo, na sexta-feira, quando o papa chegava de Cuba, e que outros aviões foram envolvidos no acontecimento.

"O capitão informou imediatamente a torre de controle sobre o que tinha visto, como é de praxe", declarou a Alitalia. "Cabe à torre de controle informar as autoridades competentes."

Tratou-se do mais recente de uma série de incidentes com laser em todo o mundo.

Em novembro, raios perigosos de aparelhos de laser portáteis atingiram 20 aeronaves que sobrevoavam os Estados Unidos e seus territórios de um dia para o outro, uma parcela das quase 4.500 ocorrências com lasers até aquele momento no ano passado, declarou a Administração Federal de Aviação dos EUA.

Os raios laser podem causar cegueira temporária em pilotos, e houve casos em que os pilotos relataram ferimentos oculares que exigiram tratamento médico.

O papa encerra sua turnê mexicana nesta quarta-feira.

(Por Philip Pullella) 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos