S&P diz que volatilidade na política econômica justifica perspectiva negativa do Brasil

BRASÍLIA (Reuters) - Incertezas políticas sustentam o risco de reversões na política econômica no Brasil, turvando as perspectivas para a economia e justificando a perspectiva negativa da nota do país após o rebaixamento na quarta-feira, disse a Standard & Poor's nesta quinta-feira.

A diretora da S&P Lisa Schineller afirmou em teleconferência que o déficit fiscal deve permanecer alto, com o processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff adiando a adoção de medidas necessárias.

A agência de classificação de risco rebaixou a nota do Brasil para "BB", de "BB+", apenas cinco meses depois de se tornar a primeira a tirar o grau de investimento do país.

(Reportagem de Silvio Cascione)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos