Militantes da Al Qaeda tomam cidade no sul do Iêmen

ADEN (Reuters) - Dezenas de militantes da Al Qaeda tomaram neste sábado controle da cidade de Ahwar, sul do Iêmen, disseram moradores, consolidando o controle do grupo sobre grande parte da região.

A cidade costeira e o distrito ao redor, na província de Abyan, abrigam mais de 30 mil pessoas e representam uma ligação geográfica importante entre a grande cidade portuária de Mukalla, ao leste, e a pequena cidade de Zinjibar, ambas tomadas pela Al Qaeda há meses. 

“Ao amanhecer, agentes da Al Qaeda confrontaram forças da Resistência Popular, matando três deles”, disse um residente. “Eles atacaram o xeique que comanda a área e, após ele ter escapado, montaram pontos de controle nas ruas e colocaram sua bandeira negra em prédios do governo.”

Separadamente, dois militantes em uma moto mataram um dos mais graduados comandantes da Resistência Popular - uma confederação de milícias do sul do país que se opõe à al Qaeda. 

O xeique Mazen al-Aqrabi foi morto junto com um segurança na segunda maior cidade do Iêmen, Aden, sudoeste do país, disseram uma testemunha e um oficial de segurança. Acredita-se que os agressores eram da Al Qaeda, segundo o oficial.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos