Turquia vai promover medidas adicionais de segurança após carro-bomba, diz premiê

ISTAMBUL (Reuters) - A Turquia está apertando a segurança no país e especialmente na capital depois que a explosão de um carro-bomba matou 28 pessoas em Ancara nesta semana, afirmou o premiê, Ahmet Davutoglu, neste sábado.

Davutoglu também afirmou a jornalistas que o grupo militante TAK reivindicou o ataque como um modelo para proteger o grupo de milícias sírias-curdas YPG.

O premiê também pediu para Washington, aliado da Turquia na Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), considerar qualquer ataque ao país como um ataque contra os Estados Unidos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos