Companhias aéreas estão preocupadas com impacto do Zika nas viagens, diz presidente da Iata

NOVA YORK (Reuters) - Diversas companhias aéreas manifestaram preocupação de que a rápida disseminação do Zika vírus possa estar afetando as viagens, disse o diretor-geral e presidente-executivo da Associação Internacional de Transportes Aéreos (Iata), Tony Tyler, a jornalistas nesta quinta-feira.

O comentário, feito durante um evento da entidade em Nova York, marca uma das primeiras vezes que um representante do setor reconhece que o Zika pode ter impacto nas receitas.

Tyler não especificou que tipo de impacto as companhias aéreas estão observando, se trocas de destinos por parte dos passageiros ou queda nas reservas em geral.

(Reportagem de Jeffrey Dastin)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos