Militares dos EUA convidam hackers para testar projeto de cibersegurança

SAN FRANCISCO (Reuters) - O Pentágono disse nesta quarta-feira que convidaria hackers para testar a cibersegurança de alguns sites públicos do Departamento de Defesa dos Estados Unidos, como parte de um projeto piloto no mês que vem, em um programa inédito do governo.

O projeto "Hack the Pentagon" é elaborado a partir de competições conhecidas como "recompensas de bugs" que são conduzidas por grandes empresas norte-americanas, incluindo a United Continental Holdings para descobrir falhas na segurança de suas redes.

Tais programas permitem que especialistas encontrem e identifiquem problemas antes de hackers possam explorá-los, economizando dinheiro e tempo caso aconteçam falhas de redes prejudiciais.

"Estou confiante de que esta iniciativa inovadora fortalecerá nossas defesas digitais e finalmente elevar nossa segurança nacional", disse o secretário de Defesa Ash Carter, em declaração revelando o programa piloto.

Uma autoridade sênior de defesa disse que milhares de participantes qualificados devem se juntar à iniciativa. Detalhes ainda estavam sendo elaborados, mas a competição poderia envolver prêmios em dinheiro, disse o Pentágono.

(Por Andrea Shalal)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos