Ex-candidato republicano Romney classifica Trump de 'fraude'

Por Steve Holland

DETROIT (Reuters) - O ex-candidato presidencial republicano Mitt Romney rejeitou nesta quinta-feira com contundência Donald Trump, o pré-candidato presidencial republicano favorito nas pesquisas para a eleição de novembro de 2016, o sinal mais recente de como o establishment republicano está ansioso para deter o bilionário de Nova York.

Romney, uma das figuras mais tradicionais e respeitadas do Partido Republicano, exortou os correligionários de Estados norte-americanos que ainda não realizaram prévias partidárias a votarem nos adversários de Trump e impedir que ele seja o indicado da legenda para o pleito do dia 8 de novembro, que irá determinar o sucessor do presidente dos Estados Unidos, o democrata Barack Obama.

    "Eis o que eu sei. Donald Trump é uma farsa, uma fraude", disse Romney, de 68 anos, que está recolhido desde que perdeu para Obama em 2012.

    "Ele está fazendo o público norte-americano de otário. Ele ganha um ingresso para a Casa Branca e só o que recebemos é um chapéu horroroso", disse.

    Trump deixou a elite de seu partido preocupada com suas posições em relação ao comércio e à imigração, incluindo suas promessas de construir um muro na fronteira com o México, deportar 11 milhões de imigrantes ilegais e impedir temporariamente a entrada de muçulmanos no país.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos