Com duas vitórias, Cruz reivindica posto de principal rival republicano de Trump

WASHINGTON (Reuters) - O republicano Ted Cruz solidificou sua pretensão de ser o principal rival do líder da disputa interna Donald Trump, dividindo quatro vitórias em votações para nomeação com o magnata do setor imobiliário.

Agora ambos voltam as atenções para um confronto crucial em Michigan, na terça-feira.

As vitórias para Trump e Cruz no sábado foram um revés para os republicanos que em grande parte se alinharam a Marco Rubio, um senador norte-americano que ficou de fora nas quatro disputas.

A campanha republicana se volta para Puerto Rico no domingo, e votações na terça-feira em Michigan, Mississippi, Idaho e Havaí, onde Trump vai procurar expandir sua liderança na disputa para a escolha dos candidatos à eleição presidencial de 8 de novembro para a sucessão do presidente Barack Obama.

No lado democrata, a principal candidata Hillary Clinton ganhou no sábado, em Louisiana, e o rival Bernie Sanders ganhou no Kansas e em Nebraska, com resultados que ampliaram ligeiramente a vantagem de Hillary sobre o senador de Vermont.

Os democratas têm nova disputa em Maine no domingo, além de um debate à noite transmitido nacionalmente de Flint, Michigan, uma cidade empobrecida, com maioria negra, e que sofreu uma crise de saúde causada ​​por uma fonte de água contaminada.

Democratas também vão votar na terça-feira em Michigan e Mississippi.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos