Presidente do BC do Japão diz que não está pensando em mais medidas agora

TÓQUIO (Reuters) - O presidente do banco central do Japão, Haruhiko Kuroda, afirmou nesta segunda-feira que não está atualmente pensando em adotar medidas adicionais para afrouxar a política monetária.

Kuroda, falando no comitê de orçamento da câmara alta, reiterou sua visão de que no futuro está preparado para ajustar a política monetária se necessário.

Ele também disse que a política de taxa de juros negativa terá papel importante para reduzir a taxa de juros e os custos de empréstimos.

(Reportagem de Stanley White)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos