Bovespa fecha em alta de 1,85% em meio a notícias sobre pedido de prisão preventiva de Lula

SÃO PAULO (Reuters) - A Bovespa fechou em alta de quase 2 por cento nesta quinta-feira, com o noticiário político novamente ditando o tom do pregão, em meio a notícias de que o Ministério Público de São Paulo teria pedido a prisão preventiva do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

De acordo com dados preliminares, o Ibovespa subiu 1,85 por cento, a 49.564 pontos. O índice subiu 2,7 por cento, para 49.974 pontos, na máxima da sessão, assim que surgiram as primeiras notícias sobre um eventual pedido de prisão do ex-presidente.

O volume financeiro foi novamente forte e totalizava 10,66 bilhões de reais antes do ajuste de fechamento.

(Por Paula Arend Laier)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos