Tribunal russo rejeita apelação do Google em caso antimonopólio

MOSCOU (Reuters) - O tribunal de Arbitragem de Moscou rejeitou nesta segunda-feira uma apelação feita pelo Google e manteve a decisão de que a empresa norte-americana quebrou leis antimonopólio ao abusar de posição dominante com sua plataforma móvel Android, disse o regulador de competição russo.

O regulador FAS entendeu em setembro do ano passado que o Google desrespeitou a lei ao exigir a pré-instalação de certos aplicativos nos dispositivos móveis com o sistema operacional Android, seguindo a queixa da russa Yandex.

O Google apelou da decisão, mas o FAS disse nesta segunda-feira que apoia inteiramente a decisão.

Agora, o Google terá que refazer seus contratos com as fabricantes de smartphones para atender à decisão, além de pagar uma multa

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos