Polícia francesa prende grupo por suspeita de ataque militante

PARIS (Reuters) - A polícia antiterrorismo francesa prendeu nesta quarta-feira um grupo com ligações com a militância islâmica, sob suspeita de que um dos integrantes planejou um ataque em Paris, disse o ministro do Interior da França.

"Nós temos informações sobre uma pessoa que sugerem que poderia realizar ações violentas na França”, afirmou o ministro do Interior, Bernard Cazeneuve, acrescentando que acredita-se que o homem tenha ligação com o Estado Islâmico na Síria.

"Essa pessoa foi presa nesta manhã junto com pessoas ligadas a ele”, disse o ministro, alertando contra conclusões precipitadas de que um ataque poderia ser iminente.

Mais cedo, a TV TF1 relatou que três homens e uma mulher foram presos em Paris e na região próxima de Seine-Saint-Denis, ao norte, sob a suspeita de estarem planejando um ataque iminente.

"Este é um período extremamente sensível. Tivemos informações sobre pessoas, elas estavam preparando coisas, elas estavam buscando um alvo, elas estão na França e perto da França", disse uma fonte próxima ao presidente Fraçois Hollande.

Nas prisões desta quarta-feira, a polícia apreendeu um cartucho não utilizado de rifle automático e equipamentos de informática, disse a TF1 no seu site.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos