Blatter recorre de suspensão de seis anos

  • ARND WIEGMANN

ZURIQUE (Reuters) - O ex-presidente da Fifa Joseph Blatter recorreu da suspensão de seis anos imposta pela federação internacional de futebol por violações éticas, anunciou a Corte Arbritral do Esporte (CAS) nesta quinta-feira.

O tribunal sediado em Lausanne informou que o suíço de 80 anos apresentou uma apelação contra a decisão do mês passado do comitê de apelações da Fifa.

Blatter e Michel Platini, presidente afastado da Uefa, foram banidos por pagamento de 2 milhões de francos suíços feitos pela Fifa ao francês em 2011, com a aprovação de Blatter, por um trabalho feito uma década antes.

Ambos negam qualquer ato irregular.

Blatter prometeu "ir até o fim de minha vida para mostrar que sou inocente". Platini enviou um apelo similar contra sua suspensão anteriormente neste mês.

Dezenas de pessoas foram acusadas em uma investigação que passou pelos cinco continentes, entre elas o ex-presidente da CBF José Maria Marin, atualmente em prisão domiciliar por corrupção.

(Reportagem de John Miller)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos