Turquia diz ter esperança de acordo com líderes da UE sobre imigração

Por Humeyra Pamuk e Philip Blenkinsop

BRUXELAS (Reuters) - O primeiro-ministro turco, Ahmet Davutoglu, demonstrou esperanças de um acordo com líderes da União Europeia nesta sexta-feira para ajudar a conter o fluxo de imigrantes na Europa, mas França e Alemanha alertaram sobre as dificuldades, à medida que ambos os lados se desentendem sobre como enviar refugiados de volta da Grécia.

Após líderes da União Europeia passarem a quinta-feira argumentando sobre posições na negociação, Davutoglu chegou cedo para um encontro com o premiê da Holanda -líder da Presidência rotativa do bloco- e autoridades sêniores da UE antes de uma cúpula com os chefes de Estado e governo para forjar um acordo.

"É claro que a UE e Turquia têm a mesma meta, o mesmo objetivo de ajudar refugiados sírios... tenho certeza... vamos atingir nossa meta", disse Davutoglu a repórteres antes de entrar nas conversas, que espera render concessões políticas e financeiras para Ancara.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos