Wada declara que Espanha e México não cumprem com o seu código

(Reuters) - A Agência Mundial AntiDoping (Wada) declarou neste sábado Espanha e México como não cumpridores de seu código, depois que ambos deixaram de implementar novas regras antes do prazo de 18 de março.

A agência reconheceu em um comunicado, no entanto, que a organização antidoping espanhola encontrou dificuldades pela falta de um governo efetivo após eleições inconclusivas no país.

A Wada disse que um acordo estava sendo firmado para que os testes sejam realizados por federações internacionais de esporte, enquanto o país não atendeu aos requisitos.

"Isso garantirá que programas de testes possam ser realizados às vésperas da Olimpíada (do Rio) e dos Jogos Paralímpicos", acrescentou a Wada.

Sobre o México, a Wada reconheceu os esforços do governo e disse que "estava esperançosa que o trabalho necessário será completado em um futuro muito próximo".

As agências antidoping de Bélgica, França, Grécia e Brasil atingiram todos os requisitos depois de resolver algumas pendências.

O Brasil institui nesta semana o novo Código Brasileiro Antidopagem e criou um tribunal exclusivo para julgar casos de doping, garantindo a realização dentro do país dos testes na Olimpíada do Rio de Janeiro.

(Reportagem de Alan Baldwin)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos