Investigadores conseguem extrair dados de caixa-preta de avião que caiu na Rússia

Por Gleb Stolyarov

MOSCOU (Reuters) - Investigadores russos disseram nesta segunda-feira que conseguiram extrair dados de um danificado gravador de voz da cabine do piloto encontrado no local em que caiu um avião no sul da Rússia no fim de semana, matando todas as 62 pessoas a bordo.

O primeiro-ministro russo, Dmitry Medvedev, ordenou que as autoridades analisem se os regulamentos de segurança da aviação da Rússia precisam ser reforçados depois da queda, que aconteceu quando o Boeing 737-800 tentava pousar em um aeroporto regional em meio a uma ventania forte.

Questionou-se por que a aeronave foi adiante com suas tentativas de pouso quando outro avião que seguia para o mesmo aeroporto pouco tempo antes havia sido desviado para outro local devido ao clima ruim.

O avião acidentado, operado pela Flydubai, companhia aérea de baixo custo sediada em Dubai, caiu nas primeiras horas do sábado passado no aeroporto de Rostov-on-Don, no sul russo, em sua segunda tentativa de pouso depois de partir de Dubai.

O governo de Dubai declarou no Twitter que a Flydubai irá retomar os voos de Rostov-on-Don na terça-feira. O ministro dos Transportes russo, Maxim Sokolov, disse que outros voos de e para a cidade já foram retomados. O aeroporto ficou fechado durante algum tempo após o acidente.

O gravador de dados de voo da aeronave sobreviveu praticamente intacto, mas o gravador de voz da cabine –que deve esclarecer as conversas finais do piloto– ficou seriamente danificado, levando as autoridades a dizerem inicialmente que poderia levar semanas repará-lo.

"Já retiramos a memória das caixas pretas, estamos trabalhando nisso", disse o porta-voz do Comitê de Aviação Interestadual, que está investigando a queda, à Reuters. "A decodificação das duas caixas-pretas pode levar entre várias semanas e vários meses", afirmou.

Até agora não há nenhum sinal de ataque contra a aeronave.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos