Líbia não irá a reunião de produtores de petróleo, quer elevar oferta, diz fonte

DUBAI (Reuters) - A Líbia, membro da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), não planeja participar de um encontro em 17 de abril que reunirá países produtores para discutir o congelamento da produção, uma vez que o país quer elevar sua oferta quando a situação permitir, disse um representante da Líbia na Opep.

"Nós não iremos", disse o representante, referindo-se ao encontro em Doha no próximo mês.

A Líbia produzia 1,6 milhão de barris por dia (bpd) de petróleo antes da guerra civil de 2011. A produção então caiu devido à contínua instabilidade no país, e está atualmente abaixo de 400 mil barris por dia.

(Por Alex Lawler)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos