Shell e CNOOC tomam decisão final de expandir fábrica petroquímica na China

(Reuters) - A Royal Dutch Shell e a chinesa CNOOC afirmaram que tomaram a decisão final de dobrar a capacidade de sua planta produtora de etileno na província chinesa de Guangdong.

A decisão se segue a um anúncio em dezembro de que as empresas haviam chegado a um acordo não vinculante para expandir a unidade.

As companhias disseram nesta terça-feira que a fábrica produzirá anualmente 150 mil toneladas de óxido de etileno, 480 mil toneladas de etilenoglicol e 600 mil toneladas de polióis de alta qualidade.

(Por Mamidipudi Soumithri)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos