Bruce Springsteen cancela show na Carolina do Norte por restrição a transgêneros

(Reuters) - O astro do rock Bruce Springsteen cancelou nesta sexta-feira um show programado para este fim de semana na Carolina do Norte, nos Estados Unidos, em protesto contra uma nova lei estadual que restringe o uso de banheiros por indivíduos transgêneros, da mesma forma que estrelas musicais norte-americanas condenaram legislação similar proposta no Tennessee.

Bruce Springsteen afirmou num comunicado online que a lei da Carolina do Norte era “uma tentativa de pessoas que não podem suportar o progresso que o nosso país tem feito em reconhecer os direitos humanos de todos os nossos cidadãos para reverter esse progresso”.

O dinheiro dos ingressos para o show que seria realizado no domingo em Greensboro será devolvido, de acordo com o site do cantor.

A lei da Carolina do Norte tem atraído críticas de celebridades e líderes empresariais. A empresa PayPal citou a natureza discriminatória da lei quando cancelou na terça-feira um novo centro de operações que empregaria 400 pessoas em Charlotte.

Nesta sexta, as estrelas musicais Miley Cyrus, Emmylou Harris, Ty Herndon e Chely Wright se juntaram aos que se opõem ao proposto projeto sobre banheiros no Tennessee.

Executivos de TV pediram aos parlamentares do Tennessee para derrotar a medida.

(Reportagem de Letitia Stein na Flórida e Karen Brooks no Texas)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos