Dilma rebate acusações do pedido de impeachment e diz que crise econômica não justifica afastamento

BRASÍLIA (Reuters) - A presidente Dilma Rousseff procurou rebater nesta terça-feira as acusações contidas no pedido de impeachment contra ela aprovado pela Câmara dos Deputados, e disse que crise econômica não justifica afastamento de presidente da República.

Numa explanação inicial em entrevista coletiva a jornalistas de veículos de comunicação estrangeiros no Palácio do Planalto, Dilma repetiu que desde sua reeleição a oposição procurou desestabilizar seu governo.

(Reportagem de Anthony Boadle)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos