Europa é primeira região do mundo a eliminar a malária, diz OMS

(Fundação Thomson Reuters) - A Europa se tornou a primeira região do mundo a eliminar a malária, com zero caso relatado no ano passado, disse a Organização Mundial de Saúde (OMS) nesta quarta-feira.

O número de casos nativos de malária caiu de 90.712 em 1995 para zero em 2015, e os últimos casos foram relatados no Tajiquistão em 2014, afirmou a organização.

"Esse é um grande marco na história da saúde pública da Europa e nos esforços para eliminar a malária mundialmente”, declarou Zsuzsanna Jakab, diretor da OMS para a Europa.

Compromisso político forte, melhora no diagnóstico e na vigilância dos casos de malária, controle de mosquitos e colaboração entre países contribuíram para a eliminação do mosquito que transmite a doença, afirmou a agência.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos