Reino Unido deve ficar próximo dos aliados europeus, diz Obama

LONDRES (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, pediu nesta quinta-feira ao Reino Unido para permanecer próximo aos seus aliados na Europa a fim de ajudar na luta internacional contra o terrorismo, uma intervenção planejada para persuadir os britânicos a seguirem na União Europeia.

Obama fez os comentários em artigo para o jornal Daily Telegraph publicado pouco depois da sua chegada a Londres para uma visita oficial com o objetivo de convencer os britânicos a não votarem para deixar o bloco de 28 países no referendo de 23 de junho.

"Apesar de todos nós apreciarmos a nossa soberania, os países que exercem a sua influência de forma mais eficaz são os países que fazem isso pela ação coletiva que os desafios de hoje exigem", escreveu.

"Esse tipo de cooperação - do compartilhamento de inteligência e do contraterrorismo aos acordos para criar empregos e gerar crescimento econômico - será bem mais efetiva se isso se estender pela Europa."

(Reportagem de William James)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos