CSN enfrenta problema em religamento de alto-forno após manutenção

SÃO PAULO (Reuters) - A usina da Companhia Siderúrgica Nacional em Volta Redonda (RJ) enfrentou problemas no religamento do alto-forno 3 nesta segunda-feira, após 10 dias de manutenção programada, com o desprendimento de grande coluna de fumaça branda do equipamento.

A empresa informou que "ocorreram emissões fugitivas no equipamento", mas o problema "já foi controlado e os órgãos ambientais imediatamente comunicados". Não houve danos ao equipamento ou funcionários com ferimentos graves.

O incidente ocorreu cerca de um mês depois que um incêndio na área de zincagem da usina deixou quatro funcionários feridos, dos quais um deles não resistiu aos ferimentos e morreu dia 13 deste mês.

As ações da CSN recuavam mais de 7 por cento por volta das 12h30, entre as principais quedas do Ibovespa e em meio a recuo de outros papéis do setor.

Mais cedo, a Usiminas informou que a CSN conseguiu aval do Cade para indicar conselheiros ao conselho de administração da rival, em assembleia de acionistas a ser realizada na quinta-feira.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos