Barbosa procura mostrar legalidade de decretos e pedaladas; diz não haver base para impeachment

BRASÍLIA (Reuters) - O ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, reafirmou nesta sexta-feira que ações denunciadas no pedido de impeachment foram legais e que não há fundamento para um processo contra a presidente Dilma Rousseff.

Falando na comissão especial de impeachment no Senado, Barbosa apresentou seus argumentos rechaçando irregularidades nos decretos de sumplementação orçamentária e as chamadas pedaladas fiscais, alvos do pedido de impedimento da presidente.

(Reportagem de Leonardo Goy)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos