Produção de petróleo da Opep fica perto de recorde em abril, aponta pesquisa

LONDRES (Reuters) - A produção de petróleo da Opep subiu em abril para perto do maior nível na história recente, segundo mostrou uma pesquisa da Reuters nesta sexta-feira, com um aumento da extração liderado pelo Irã e Iraque mais do que compensando uma greve no Kuweit e outras interrupções.

O maior exportador de petróleo do mundo, a Arábia Saudita, no entanto, não fez nenhuma grande mudança na produção, segundo a pesquisa, apesar de o reino insinuar que poderia aumentar a oferta depois de a Opep e outros países não chegarem a acordopara congelar a extração em uma reunião em 17 de abril.

"O mercado está maciçamente com excedente de oferta", disse o analista Eugen Weinberg, do Commerzbank, em Frankfurt.

A produção da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) subiu para 32,64 milhões de barris por dia (bpd) neste mês, ante 32,47 milhões de bpd em março, de acordo com a pesquisa, realizada com base em dados de embarques, informações do setor, Opep e consultores.

O volume ficou perto da máxima registrada em janeiro, de 32,65 milhões de bpd, quando a Indonésia voltou a integrar o grupo.

(Por Alex Lawler)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos